Montevidéu

Montevidéu (ou Montevideo em espanhol) é a capital e a maior cidade do Uruguai, mais da metade da população do país se concentra nesse centro e nos distritos ao redor. A cidade possui belas praias e paisagens, com uma orla de mais de 20km de extensão, quase toda coberta por La Rambla (calçadão). Cenários antigos, como a Ciudad Vieja próxima ao centro contrastam com prédios modernos e luxosos. A capital uruguaia é também a sede administrativa do Mercosul e já foi considerada a capital da América Latina.

Praias

Ao longo de sua extensa orla, Montevidéu conta com 11 praias de areias brancas, banhadas pelo Rio da Prata, que por sua imensidão pode ser facilmente confundido com o mar. A mais famosa das praias é a Playa de Los Pocitos, ou simplesmente Pocitos. Ao caminhar por seu calçadão não há como não reparar nas semelhanças com uma das praias mais famosas do mundo: Copacabana. Há todo uma nostalgia na arquitetura de seus edifícios que nos remete imediatamente ao bairro carioca, e às décadas de 1950 e 1960.

História e Cultura

A capital uruguaia é rica em cultura, incontáveis museus, exposições ao ar livre, espaços públicos, teatros, feiras e eventos fazem parte do cotidiano da cidade. Onde tudo começou, na Ciudad Vieja, que é o centro histórico da cidade, prédios que datam do começo do século 19 estão sendo restaurados e abertos ao público, transformados em bares, cafés e centros culturais. Certamente o local mais conhecido da cidade é o Mercado del Puerto, inaugurado há mais de 130 anos. O local é um centro gastronômico que presenteia nosso paladar com o típico sabor uruguaio: o asado (um churrasco assado lentamente à lenha). Além da gastronomia, o Mercado também oferece bancas de artesanato local, apresentações de teatro de arena, música… tudo que um grande centro público cultural pode oferecer.

Lugares antigos e históricos fazem parte dessa atmosfera cultural, a exemplo disso temos o Baar Fun Fun, um lugar único da noite montevideana, fundado em 1895 e que segue aberto até hoje. O local, apesar de pequeno, possui uma história rica e que está literalmente impressa em suas paredes. O interior é totalmente recoberto por fotos históricas de seus frequentadores famosos, autógrafos, reportagens, camisas de futebol… e continua a coletar a história até hoje. Um excelente lugar para se ver e ouvir o legítimo tango uruguaio.

Ainda mais antigo é o Café Brasilero, fundado em 1877. Um belíssimo lugar que conserva praticamente intocável a mesma decoração e estrutura. Poucas mudanças foram feitas no local desde sua inauguração.

E não há como falar da cultura uruguaia sem falar do Teatro Solís. Inaugurado em 1856 já foi considerado um dos melhores teatros do mundo, e um dos mais bonitos. Com uma acústica única e impecável, é um dos lugares favoritos de artistas e companhias de teatro.

Há tanta história em Montevidéu que é praticamente impossível sintetizar em um único texto. Os amantes do futebol não podem deixar de visitar o “templo” do futebol mundial, o Estádio Centenário, palco da primeira Copa do Mundo, em 1930. Para quem gosta de antiguidades, todo sábado, incondicionalmente, há a Feira de Tristán Narvaja, que se realizou pela primeira vez em 1909. Uma feira de rua em que se encontra de tudo, desde talheres de prata do século 18 até televisões de LED.

Montevidéu respira cultura e história. Isso está no DNA do uruguaio. Visite a cidade na primeira oportunidade e surpreenda-se com as belezas naturais, com a arquitetura art decó e neoclássica contrastando com a moderna e seus prédios curvos e espelhados. Saboreie a gastronomia única, reconhecida mundialmente pela qualidade de sua carne, de seus queijos, seus vinhos… Admire-se com a receptividade, educação e hospitalidade do povo uruguaio. Ainda que a vida dura, corrida e moderna da cidade tenha enrijecido um pouco o povo, a essência do interior transparece.

Ah, e não se preocupe em não poder compartilhar essa experiência em tempo real com seus amigos: todas as praças, prédios históricos e públicos contam com Wi-Fi aberto de excelente qualidade.

Onde ir:

– Mercado del Puerto: Rambla 25 de Agosto de 1825, n° 228
– Baar Fun Fun: Calle Ciudadela, n° 1229
– Café Brasilero: Calle Ituzaingó, n° 1447
– Teatro Solís: Calle Reconquista, s/n esq. Bartolomé Mitre
– Estádio Centenário: Av. Dr. Americo Ricaldoni, s/n
– Feria de Tristán Narvaja: Calle Tristán Narvaja, s/n

Bom saber:

– Infelizmente, como todo centro histórico, a Ciudad Vieja não é muito segura durante a noite, evite essa região para não ter contratempos durante a viagem.
– A maioria dos locais aceitam o Dólar americano e até mesmo o Real como pagamento, porém sempre prefira o Peso Uruguaio. Cada local faz sua cotação. Há casas de câmbio por toda a cidade, justamente para facilitar a visita do turista.
– Procure andar com notas menores que 1.000 Pesos, apesar da boa educação, os taxistas não ficam muito felizes quando recebem uma nota alta.
– Se é a sua primeira vez provando um verdadeiro asado uruguayo você deve saber algumas coisas antes: riñones e chinchulines são os rins e os intestinos da vaca. A primeira vista não são grandes atrativos para nós, então se a idéia não te agradar, peça sem os dois!
– Apesar do Wi-Fi aberto e gratuido, desconecte-se! Aproveite a cidade com tudo que ela tem para oferecer!

praia-pocitos-montevideo

Distâncias

Porto Alegre – RS 809 Km
Florianópolis – SC 1266 Km
Curitiba – PR 1502 Km
São Paulo – SP 1904 Km
Informações sobre Distâncias: Google Maps.

Sites Interessantes

Localização de Montevidéu no Mapa

Exibir mapa ampliado

Seja o primeiro a comentar em "Montevidéu"

Comente isso

Seu e-mail não será publicado.


*